Loading...

Quem sou? E para onde vou? – continuação

Aqui têm a continuação do post anterior….

Estava a contar-vos aquele momento em que me ausentei de Portugal por meio ano durante o nosso namoro, mas porquê?

Esta foi outra decisão chave que tomei para conhecer mais a Deus e estar mais próxima dele! Nesse meio ano que estive fora de Portugal, fui fazer um curso de missões e discipulado antes de entrar para a Universidade, antes de decidir que profissão escolheria para a minha vida, estávamos no ano de 2004!

Já conhecia a Jocum e a ETED (Escola de Treinamento e Discipulado) o lema desta ONG resume-se a “conhecer a Deus e fazê-lo conhecido” e aqui vivi uma das minhas primeiras aventuras com Jesus, foi como uma lua de mel com Ele!

Escolhi a cidade de Madrid, onde vivi e estudei mais da bíblia e sobre a vida de Jesus. Éramos um grupo de 18 jovens de 12 nacionalidades diferentes, que tempos tão enriquecedores a nível pessoal e espiritual, todos tínhamos o mesmo propósito de conhecer mais a Deus e fazê-Lo conhecido!

E onde fomos à parte prática de fazê-Lo conhecido?

Metade da equipa foi para Marrocos e outra metade, onde eu estava incluída, foi para a Índia!

Uau, ir à Ásia falar de Jesus, conhecer aquele povo, as suas tradições e costumes, que privilégio maravilhoso!

Desde orfanatos, escolas, bairros carenciados, trabalhámos em imensos contextos e com imensas crianças às quais falámos do Amor de Deus por cada uma delas, através das artes e da animação. E foi aí que se desenvolveu e cresceu o meu chamado e amor mais forte pelas crianças e por lhes levar alegria!

Tive a confirmação de que ser professora primária era o meu sonho de criança, mas que tinha sido Deus a colocar este desejo no meu coração!

Então só tinha de dar os passos certos e seguir nesse caminho. Voltei a Lisboa, cheia de vida, alegria, esperança, certeza do próximo passo a tomar e inscrevi-me na Escola Superior de Educação de Lisboa.

Após 6 meses a falar todos os dias inglês e espanhol, os meus exames de ingresso à faculdade eram de português e francês! Confesso que por momentos tremi, mas foi num tempo a sós com Deus, bem cedo pela manhã que senti no meu coração a sua voz dizer: não temas, crê somente! Era o título de um pequeno livro que tinha na minha mesa de cabeceira!

Escolhi confiar nesta palavra, estudei e revi todos os conteúdos do 12º ano que tinha aprendido antes da viagem a Madrid e fui de coração alegre e confiante para aqueles dois exames.

Aprovei e ingressei no curso de 1º Ciclo do Ensino Básico (antiga professora primária).

Durante o meu curso o Paulo também teve o seu tempo especial com Deus e escolheu o Brasil para fazer a mesma escola da Jocum que eu fiz em Madrid. A parte prática dele foi nas favelas do Rio de Janeiro e aí ele cresceu imenso a todos os níveis e veio com um coração cheio para dar amor a todas as crianças do Mundo!

Quando ele voltou e após o nosso amor ter resistido a estes longos períodos de 6 meses longe um do outro, chegou o dia em que ele me pediu em casamento, aceitei radiante e sonhadora, casámos em Julho de 2006! (um dia faço um post sobre este momento lindo e inesquecível nas nossas vidas!)

Entretanto terminei a minha licenciatura, lecionei durante 5 anos e sentia que a cada dia cumpria a minha missão nesta terra!

O Paulo ingressou no curso de Engenharia de Telecomunicações e estudou intensamente até terminá-lo, no primeiro currículo que enviou foi selecionado e trabalhou numa grande empresa de telecomunicações.

Mas foi quando engravidei do nosso primeiro filhote André que tive de decidir se continuava no ensino ou se desenvolvia mais o nosso sonho de animar crianças, outro “bebé” nosso – a FUNtoche eventos infantis, empresa criada pelos dois, em Janeiro de 2010.

Sentimos claramente que esse era o caminho a seguir, ter mais tempo para a família e confiar que Deus iria fazer crescer este pequeno hobby, que se veio a tornar hoje no nosso trabalho a tempo inteiro!

Durante a nossa caminhada Deus realizou outro grande sonho e deu-nos uma menina linda! Demos-lhe o nome de Alice, em honra à minha querida avó materna e cujo significado do nome é muito especial e profundo – autêntica, sincera, de bom ânimo, íntegra, defensora e protetora.

Hoje, a caminho do terceiro filhote, o Pedro, que chega já em Maio, estamos cheios de sonhos e planos, com muita força e ousadia para ir mais além, conjugamos este lindo trabalho com o pastoreado da nossa igreja e posso dizer-vos que estou na melhor e maior aventura da minha vida!

Que sei que escolhi o caminho que Deus traçou para mim, que decidi confiar Nele e sendo Ele bom e fiel nunca me desamparou, nem desampara! Que houve e há lutas e muitos desafios, não foi, nem é sempre um mar de rosas, mas que sempre que uma pedra surge é para o céu que olhamos, buscamos ajuda em Deus e nos conselhos das pessoas sábias que nos rodeiam.

Há um versículo na bíblia que diz: “Vou ensinar-te e mostrar-te o caminho que deves seguir, guiar-te-ei com sem te perder de vista” Salmos 32:8 e ainda “Confia os teus assuntos ao Senhor e realizarás os teus projetos” Provérbios 16:3

Voltando à questão inicial e título deste post: quem sou? E para onde vou?

Como seguidora de Cristo tenho estas certezas, baseadas na palavra de Deus, a Bíblia:

Sou filha de Deus (João 1:12)

Sou amada (João 3:16)

Sou chamada amiga de Jesus (João 15:15)

Sou perdoada (Colossenses 1:4)

Sou guiada por Ele e pelo seu Espírito Santo (Salmos 32: 8) e (Romanos 8:14)

Estou certa de que pelo facto de Deus ter começado uma boa obra no meu coração, Ele irá completá-la (Filipenses 1:6)

Tenho um futuro e uma esperança de paz (Jeremias 29:11)

Vou para o seu lado quando partir (João 5:24)

Estas são algumas das promessas nas quais escolho confiar! São palavras de vida, as quais escolho diariamente declarar! Sabendo que Ele está sempre connosco e nunca nos deixa sós, que nos guia a cada passo e decisão.

Acham que valeria a pena dar uma oportunidade a este Deus maravilhoso?

Poderá também gostar de

1 Comentário

  • Rute Barros 2 anos ago Reply

    Olá Andreia,
    Não sei se te recordas de mim, a minha mãe era vossa professora de musica (da tua mãe e vossa)
    Li o teu post e queria te dizer que gostei muito do teu testemunho! Engraçado que fizemos a Eted na mesma Base – Madrid só com uns anitos de diferença, eu fiz em 98 😉
    Que Deus continue a guiar-vos e a serem sal e luz por onde andarem!
    bjs

Deixe um Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.